Quantidade total de exercício versus frequência semanal

agosto 04 14:40 2015

Pesquisadores da Queen’ s University, no Canadá, afirmam que a quantidade total de exercícios é mais importante que a frequência com que as atividades são realizadas.

No estudo, adultos que acumularam 150 minutos de exercício em alguns dias não eram menos saudáveis do que os adultos que se exercitavam com mais frequência durante a semana. Ao todo, 2.324 adultos foram estudados para a determinação se a frequência de atividade física ao longo da semana está associada a fatores de risco para diabetes, doenças cardíacas e acidente vascular cerebral. A atividade física foi medida continuamente durante toda a semana nos participantes, que usaram acelerômetros em suas cinturas. Acelerômetros são pequenos dispositivos elétricos que registram o quanto uma pessoa se move a cada minuto.

Os adultos foram divididos em dois grupos: os que seguiram as diretrizes de atividade física (mais de 150 minutos por semana de atividade aeróbica), que eram frequentemente ativos (de cinco a sete dias por semana), e raramente ativos (um a quatro dias por semana). Os resultados indicam que não importa como os adultos optam por acumular os 150 minutos semanais de atividade física. Por exemplo, alguém que não realiza qualquer atividade física de segunda a sexta-feira, mas é ativa por 150 minutos ao longo do fim de semana obtém os mesmos benefícios para a saúde de alguém que acumulou 150 minutos de atividade ao longo da semana, fazendo 20 a 25 minutos de atividade física diariamente. A pesquisa foi publicada na revista Applied Physiology, Nutrition and Metabolism.

  Sessão:
escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda!

comente primeiro...

Only registered users can comment.