Eletroestimulação X treinamento físico convencional, não se deixe enganar

agosto 20 16:42 2015

Sem transpiração e sem esforço mas os resultados não são os esperados. Os eletroestimuladores não substituem o treinamento com pesos e o uso de aparelhos.

Aparelhos que prometem milagrosas mudanças estéticas no corpo das mulheres, sem o desconforto da transpiração e sem a necessidade de frequentar academias ou contratar umpersonal training, são apresentados com frequência em comerciais na televisão e em outros veículos de divulgação.

Mulheres famosas, com corpos esculturais enfatizam as vantagens dos estimuladores elétricos dos músculos como sendo os substitutos ideais da malhação e  responsáveis por transformações antes só conseguidas com a regularidade do treinamento com pesos.

Estudo, não muito recente mas não menos atual, publicado na revista do Conselho Americano do Exercício prova que tais aparelhos são ineficazes e, às vezes, provocam dores e representam perda de tempo para os usuários.

Os estimuladores elétricos dos músculos são usados com sucesso na fisioterapia para finalidades terapêuticas mas não substituem os exercícios convencionais para aumentar a força, queimar mais calorias e reduzir o peso corporal.

O laboratório de Performance Humana de uma Universidade norte-americana estudou 29 voluntários durante oito semanas. No início do programa foram avaliados o peso, a estatura, a gordura corporal e a força, dos participantes.

Todos foram fotografados e dos 29  voluntários estudados, dezessete se submeteram a sessões de estimulação elétrica com diferentes aparelhos, três vezes por semana, seguindo as orientações dos manuais dos fabricantes. Por outro lado, 12  voluntários foram colocados no grupo controle.

Após oito semanas de sessões de estimulação elétrica nenhuma mudança significativa foi observada no peso, na diminuição da gordura corporal, na força e na aparência, analisadas através de comparações entre as fotografias realizadas antes e depois do treinamento.

O resultado do estudo comprova que nenhuma  marca de aparelho de estimulação elétrica dos músculos  substitui, com um mínimo de vantagens,  as sessões de exercícios aeróbios e treinamento com pesos.

 

Texto Prof. José Alberto Aguilar Cortez  – http://www.professorcortez.com.br

  Sessão: